O PATRIMÔNIO POR ESCRITO: A POLÍTICA EDITORIAL DO SERVIÇO DO PATRIMÔNIO HIS

Mais informações
Autor:
Raul Amaro De Oliveira Lanari (veja mais livros deste autor)
Editora:
LETRAMENTO EDITORA E LIVRARIA(veja mais livros desta editora)

Por: R$ 49,90 Em 3x de: R$ 16,63

Comprar
Consulte aqui o valor do frete e prazo de entrega do produto
Opção de parcelamento via cartão de crédito
  • 1x de R$ 49,90 sem juros
  • 2x de R$ 24,95 sem juros
  • 3x de R$ 16,63 sem juros
Avalie:

O Serviço do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (SPHAN) foi criado em 1937 por intelectuais modernistas como Rodrigo Melo Franco de Andrade, Mário de Andrade e Lúcio Costa e, em seus primeiros anos, se alinhou ao projeto nacional do Estado Novo dirigido por Getúlio Vargas ao difundir uma visão sobre o Brasil que associava tradição e modernidade e proteger o patrimônio ligado ao período colonial, à herança portuguesa e ao barroco mineiro. Neste livro, fruto de dissertação de mestrado defendida no PPGHIS-UFMG, o historiador Raul Amaro de Oliveira Lanari analisa a política editorial do SPHAN nos anos do Estado Novo, identifica o seu papel na construção de um imaginário nacional e as tensões envolvendo diferentes visões sobre o patrimônio defendidas por intelectuais que formavam este campo de atuação no período. Com base em correspondências, relatórios, recortes de jornais, das revistas e monografias produzidas pelo SPHAN, esta obra apresenta de forma crítica o rico debate sobre a cultura brasileira, sua história e seu patrimônio durante o Estado Novo, ultrapassando o discurso que se estabeleceu e identificando outros patrimônios possíveis no debate e na ação da instituição.

Código de barras:
9788595301634
Dimensões:
23.00cm x 16.00cm x 1.10cm
Edição:
1
Volume:
1
Marca:
LETRAMENTO EDITORA E LIVRARIA
ISBN:
8595301638
ISBN13:
9788595301634
Peso:
280 gramas
Ano de publicação:
2018